segunda-feira, julho 4
Shadow

Conheça 10 jovens jogadores que podem ser fundamentais no Brasileirão 2021

Após a eleição de Claudinho, do Bragantino como revelação do Campeonato Brasileiro de 2020 pela CBF. Quais serão os próximos jovens jogadores a brigar pelo prêmio na edição de 2021. Abaixo as apostas vindas das categorias de base de 10 clubes e quem poderá se destacar na Série A nesta temporada.

Palmeiras
Renan, zagueiro (19 anos)
O jovem foi promovido aos profissionais no ano passado, mas tornou-se titular no Paulistão a partir da lesão de Alan Empereur. Ele ganhou destaque com a mudança para o esquema com três zagueiros. Dos seus 25 jogos pelo Palmeiras, 14 aconteceram nesta temporada.

Corinthians
Raul Gustavo, zagueiro (22 anos)
O jogador é a grande promessa do Corinthians para a disputa do Campeonato Brasileiro. Ele foi promovido das categorias de base e logo chamou a atenção do ex-técnico Vagner Mancini, ganhando, aos poucos, a vaga de titular. Tem porte e movimentação, além de qualidade na saída de bola e alto poder de marcação.

São Paulo
Rodrigo Nestor, volante (20 anos)
É apontado como uma promessa da base do São Paulo há anos. Foi Fernando Diniz quem deu a primeira chance a ele no ano passado, mas a longa e turbulenta negociação pela renovação de contrato gerou atritos com o clube. A solução só foi encontrada em abril, com um novo vínculo até 2024. Com Hernán Crespo, Nestor chegou a ser usado como titular no Paulista, mas perdeu a posição. Hoje é dos substitutos de Luan e Liziero e deve ter mais chances durante o Brasileirão.

Santos
Kaiky, zagueiro (17 anos)
É uma das grandes novidades do Santos em 2021. Promovido no início desta temporada, o garoto desbancou veteranos e assumiu rapidamente a vaga de titular no lugar deixado por ninguém menos que Lucas Veríssimo, vendido ao Benfica. É bem avaliado pelo técnico Fernando Diniz e, apesar da pouca idade, deve ser um dos pilares defensivos do Peixe no Brasileirão, ao lado de Luan Peres.

Atlético-MG
Savinho, atacante (17 anos)
O ponta é visto como uma das grandes joias reveladas pela base do Atlético. Fez oito partidas no Brasileirão do ano passado. Ainda em processo de maturação, foi usado por Cuca sete vezes no Campeonato Mineiro 2021. Precisará vencer forte concorrência no ataque, mas está inserido no elenco à espera de uma temporada recheada de jogos.

Bragantino
Gabriel Novaes, 22 anos (atacante)
O Bragantino tem como filosofia contratar principalmente jovens atletas. Uma das apostas neste ano é Gabriel Novaes. O jovem de 22 anos, ex-São Paulo, foi contratado no início de maio pelo clube. O time gastou cerca de R$ 6 milhões e assinou contrato por cinco anos. O atleta, que defendeu o Bahia no último Brasileiro, é uma opção tanto para atuar como centroavante como pelas pontas.

Internacional
Johnny, volante (19 anos)
Não chega a ser uma cara nova no elenco (estreou em 2019 e faz parte do grupo desde 2020), mas o volante é visto por Miguel Ángel Ramírez como o camisa 5 do futuro do Inter. Não à toa, o jogador nascido nos Estados Unidos coleciona convocações para seleções de base e até para a seleção principal dos EUA.

Grêmio
Ricardinho, atacante (20 anos)
O centroavante estreou no profissional em 2021 e chegou do São Paulo ainda para o time sub-20 no ano passado. Não fez toda formação no Grêmio, mas trabalhou na equipe júnior e também na transição e se caracteriza por ser um jogador de movimentação no setor ofensivo. Já são seis gols no ano, atrás apenas de Diego Souza e Ferreirinha na lista de artilheiros. Decidiu, por exemplo, a vitória no Gre-Nal na ida da final do Gauchão. E pinta como uma das apostas do Tricolor.

Fluminense
Kayky, atacante (17 anos)
Principal destaque da “Geração dos Sonhos” campeã brasileira sub-17 pelo Fluminense na temporada 2020, Kayky foi comprado pelo Manchester City antes mesmo de estrear pelo profissional, mas fica até o fim do ano no Tricolor. Em 2021, o garoto, chamado de “Neymar canhoto” por uma página especializada em jovens talentos, tem correspondido à grande expectativa. Marcou quatro gols em 18 jogos até agora e foi eleito revelação do Carioca.

Flamengo
João Gomes, volante (20 anos)
Promovido no Brasileirão do ano passado, o volante ganhou espaço e maturidade desde a chegada de Rogério Ceni. São 33 jogos como profissional e um gol, na final do Carioca contra o Fluminense. Com capacidade para jogar em três funções no meio, a tendência é de que seja muito utilizado. Ele surge como substituto natural em caso de saída de Gerson até que Thiago Maia tenha condição de jogo.