segunda-feira, fevereiro 6
Shadow

Equador se prepara para receber final da Libertadores entre Flamengo x Athletico

Publicado por Redação em: 17/10/2022

Equador se prepara para receber final da Libertadores entre Flamengo x AthleticoO Equador se prepara para receber Flamengo e Athletico-PR na final da Copa Libertadores 2022 no dia 29 de outubro no estádio Isidro Romero Carbo, em Guayaquil. Com limitação para voos no aeroporto local, o José Joaquin de Olmedo, e em leitos de hotel, o governo preparou plano para que as pessoas cheguem, se hospedem em outras cidades e se desloquem a Guayaquil no dia do confronto.

A prefeitura estima que 50 mil turistas passem por Guayaquil, entre torcedores equatorianos de outras regiões e brasileiros. O problema é que a cidade tem cerca de 15 mil quartos em sua rede hoteleira e mesmo apartamentos e casas que possam ser alugados não atenderiam toda a demanda. Por isso quatro cidades que dispõem de aeroportos menores, que poderiam receber voos privados, foram colocadas como opções de chegada e de hospedagem, com translado para Guayaquil por meio de estradas no dia do jogo.

Quito, a capital, uma opção óbvia e onde muitos brasileiros desembarcarão no aeroporto internacional Mariscal Sucre. O problema é que, por estrada, de Quito a Guayaquil é uma viagem longa, de mais de 7 horas. Opção pode ser desembarcar na capital e seguir em outro voo a cidade mais próxima do local da partida.

Lacatunga seria um meio-termo da opção por Quito, já que está quase no meio do caminho entre a capital e Guayaquil. A 320 km do palco da final, tem um aeroporto que pode receber voos menores e está a cerca de cinco horas do Isidro Romero Carbo.

Manta é uma cidade litorânea que fica a 195 km de Guayaquil. Tem próximo o aeroporto internacional Eloy Alfaro, que pode ser opção de chegada na região. Com um porto importante, e viés turístico, tem boas opções de hospedagem.

Salinas é a opção mais próxima de Guayaquil, a 140 km. É o principal balneário do Equador, por isso tem várias opções de hospedagem, além do aeroporto General Ulpiano Paez, que pode receber voos de Quito.

Essas opções têm sido apresentadas a agentes de viagem e o governo equatoriano prepara essas cidades para receber os torcedores. Haverá investimento federal, de valor não revelado, em segurança extra nos locais e nos trajetos nas estradas.

(Fonte: Uol Esportes)