quinta-feira, setembro 29
Shadow

Anuncio de luta por título interino do UFC desagrada campeão linear Francis Ngannou

Anuncio de luta por título interino do UFC desagrada campeão linear Francis NgannouO presidente do UFC, Dana White, causou polêmica ao anunciar a disputa de cinturão interino na divisão dos pesos-pesados, a mais valorizada da organização. A franquia divulgou a luta entre Ciryl Gane e Derrick Lewis para o UFC 265, em 7 de agosto, ainda sem local definido. Os dois vão subir ao octógono pelo título interino, o que desagradou ao atual campeão linear, o camaronês Francis Ngannou.

A divulgação da luta entre Cyril Gane e Derrick Lewis pelo cinturão interino até 120kg pegou o meio do MMA de surpresa. E entre os que reagiram de forma contrária está o próprio campeão linear. Francis Ngannou ganhou o título em março deste ano, ao nocautar Stipe Miocic, e esperava pela definição do primeiro desafiante, o que ainda não ocorreu.

Ngannou reagiu com indignação nas redes sociais. Em postagem no Twitter, ele ironizou a decisão do UFC de marcar a luta pelo cinturão interino. Ele disse que viveu situação parecida, enquanto esperava pelo retorno do então campeão Miocic, que estava há nove meses sem lutar, para ter a revanche.

O camaronês escreveu que pediu para enfrentar o surinamês Jairzinho Rozenstruik, pelo cinturão interino, enquanto esperava pelo retorno do então campeão linear. O combate foi marcado pelo UFC e terminou com nocaute do africano no primeiro round, mas não foi válido pelo título interino.

Eu lembro bem da minha luta por título interino contra Jairzinho…oh, espere“, ironizou o campeão em postagem no Twitter. O camaronês ainda comentou post do jornalista Ariel Hewani, que não concordou com a marcação da disputa de cinturão interino. “Nada tem sido certo aqui“, desabafou Ngannou.

Mesmo com a disposição de Ngannou de defender logo o cinturão, o UFC optou por marcar a luta entre Cyril Gane e Derrick Lewis, respectivamente os números três e dois no ranking dos 15 melhores na divisão dos pesos-pesados. O africano, que é o campeão linear, ocupa posição acima do top 15 na lista.