segunda-feira, setembro 26
Shadow

Declaração de Brown sobre Verstappen e Russell na Mercedes F1, ainda repercutem

Declaração de Brown sobre Verstappen e Russell na Mercedes F1, ainda repercutemA declaração do diretor executivo da McLaren, Zak Brown sobre a dupla de pilotos na Mercedes em 2021, de que Max Verstappen e George Russell poderiam correr juntos na equipe alemã, causou um grande rebuliço. Entre outros, Toto Wolff, Christian Horner e Helmut Marko criticaram essa declaração.

Em uma entrevista ao The Daily Mail, Brown disse que vê os dois jovens pilotos correndo pela Mercedes em 2022. “Acho que essa é a conclusão óbvia”, disse ele. “Você tem a experiência e juventude de Max de um lado e a juventude de George do outro. Se eu fosse a Mercedes, seria uma dupla matadora pelos próximos cinco anos.”

No site oficial da Fórmula 1, Brown quer esclarecer algumas coisas sobre suas declarações. “Não acho necessariamente que isso vai acontecer. Eu estava apenas respondendo à pergunta sobre como será o mercado de pilotos no próximo ano”, disse Brown. “Não foi uma previsão, foi uma opinião.”

Entretanto, ele afirmou que seria uma opção. “Acho que George estará disponível e ele obviamente tem um bom relacionamento com a Mercedes”, disse ele. “Quanto a Max, não vi o contrato dele, mas entendo que ele provavelmente terá a oportunidade de correr em outro lugar e a Mercedes e Toto (Wolff) estão em posição de atrair uma dupla impressionante de pilotos para sua equipe. Então, se esses dois caras estiverem disponíveis, e dependendo do que Toto decidir com sua dupla de pilotos atual, isso pode acontecer”, concluiu.
Fonte: F1 Mania